Minha vida de farrier: um update

| | Comments (3)

Como anda a minha carreira como farrier, vocês perguntaram?

Tá bom, não perguntaram, mas eu vou contar mesmo assim. ;-)

Bom, já faz mais ou menos um ano e quatro meses que eu mudei de profissão. Por enquanto, está tudo bem.

Nesse tempo todo aprendi muita coisa e ainda tenho muito mais para aprender, mas já sei o suficiente para começar a encarar serviços por conta própria... ou pelo menos eu acho. :-P

Como já contei antes, fiz o pedido do meu trailer. Falei com o cara do lugar que vai construí-lo hoje, inclusive, e segundo ele devo estar com o trailer na segunda metade de julho. Daí é começar a achar clientes. Enquanto não tenho clientes suficientes para me sustentar, eu continuarei a trabalhar com os outros caras para quem trabalho.

E falando nisso, estou com mais serviço do que tenho tempo para fazer. Além dos farriers para quem já trabalho, tem mais outros querendo que eu trabalhe para eles. Aparentemente eles acham que eu faço um bom trabalho. Atualmente estou trabalhando de segunda a quarta-feira para um cara, quinta-feira para outro e sexta-feira para o meu professor. Estou pensando no que vou fazer, provavelmente vou deixar de trabalhar com o meu professor e usar esse dia para trabalhar com um outro cara com quem eu trabalhei ontem e hoje.

Meu professor atualmente não está me ensinando quase nada e não está muito contente em ter que me pagar para trabalhar com ele (mesmo me pagando tipo 1/3 do que os outros caras me pagam). A situação tem estado meio esquisita nessas últimas semanas, pois ele arrumou um outro estudante que está pagando para aprender e andou cancelando os dias de trabalho comigo. Acho que ele prefere levar o moleque para não ter que pagar nada. Vamos ver como fica a coisa nesta próxima semana.

E basicamente é isso aí. Mais novidades quando eu receber meu trailer. :-)

Categories

3 Comments

Mary said:

Pena que seu professor não é uma pessoa inteligente (apesar de ser talentoso no que faz). Se o fosse, descobriria que é muito mais em conta ter você, obviamente competente, sempre junto de si do que te largar pra ser um concorrente. Well, well. Mas fiquei superfeliz em ler que você tá cheio de trabalho e, melhor, feliz da vida com isso. Posso confessar? Fico até com uma pontinha de inveja. Tenho inveja da vitalidade da economia americana e da maleabilidade do mercado de trabalho, capaz de criar milhares de empregos, e dar à pessoa a possibilidade de mudar de caminho. Quem me dera que o mercado de trabalho sueco fosse assim! Beijoca procê e sucesso, com o sem seu professor.

Cido said:

É... e comendo bolinho de capim... daqui a pouco tá relinchando por aí... hohoho.... brincadeirinha :D
Legal ver que tudo está bem, Mauro.

ROBERTA said:

Que legal, é bom saber que vc já está começando a aparecer no mercado, né, afinal já têm outras pessoas interessadas em vc! Muito legal mesmo! Nem precisa desejar boa sorte, né? ;-)

About this Entry

This page contains a single entry by published on June 24, 2005 8:35 PM.

Morcegando was the previous entry in this blog.

Nanando gostosinho is the next entry in this blog.

Find recent content on the main index or look in the archives to find all content.

Powered by Movable Type 4.1