Test-drive

| | Comments (6)

Hoje eu e a Lydia resolvemos ir até uma concessionária Toyota, para experimentar dirigir o novo Prius 2004.

A "resenha" é um pouco comprida, então para ler o resto clique no link abaixo.

O Prius é um carro com motor híbrido... funciona à gasolina e à eletricidade. O motor à gasolina é usado somente em alta velocidade (tipo dos 45 km/h para a frente) ou quando é necessário mais aceleração do que o motor elétrico consegue desenvolver. Quando se pisa nos freios, a energia produzida pelo atrito é usada para carregar a bateria. Quando o motor à gasolina está funcionando e tem "folga", ele também carrega a bateria.

O sistema é muito engenhoso, extremamente interessante, e faz com que o carro ande 21 km/l na estrada e 25 na cidade. :-)

Além disso, tem montes de coisas que fazem você se sentir dirigindo um carro futurístico. Por exemplo, ele não tem chave, mas sim um transponder que você carrega com você. Quando você chega próximo do carro, as portas automaticamente se destrancam. Você chega, entra, aperta o botão de "power" e sai dirigindo. Tudo isso com a "chave" no bolso.

O carro é super-incrementado e você pode controlar todas as funções dele tocando na tela que fica no meio do painel. As funções mais usadas também tem botões próprios, inclusive vários no volante. Mas dá para fazer absolutamente tudo pela telinha, desde determinar a temperatura interna desejada do carro até acessar o seu telefone celular e fazer ligações via Bluetooth.

Um detalhe interessante: o carro não tem câmbio porque não troca de marchas. Não é como um carro com transmissão automática, ele realmente não tem marchas. Motores elétricos não precisam de marcha, e a integração dos motores elétrico e à combustão usa o segundo como força adicional para o primeiro poder rodar mais rápido. Muito legal. O sistema de ar-condicionado também funciona direto do motor elétrico e não usa correias, o que o torna bem mais eficiente.

Ficamos muito impressionados com o carro e estamos cogitando comprar um num futuro não muito distante. :-)

Categories

,

6 Comments

Cido said:

Peraí, deixa eu tapar os ouvidos do Chapolin.... pronto... Lindão o carro! ;-)

Mauro, muito bacana mesmo. Mas sao 45 km/h ou 45 m/h???
Como voce "carrega" o motor eletrico? Como fica o consumo de eletricidade?
Acho muito interessante mesmo, se o consumo de eletricidade nao for absurdo, deve valer muito a pena...

Mauro said:

Luciana, converti tudo para o sistema métrico para ficar mais fácil, em milhas ficaria assim: o motor à gasolina liga quando o carro chega mais ou menos a 35 milhas por hora, e o consumo é de 50 milhas/galão na estrada ou 60 milhas/galão na cidade.

Você nunca precisa carregar a bateria não, o carro recarrega ela com energia gerada pelos freios e quando o motor de gasolina tem alguma "sobra". Não precisa ligar o carro na tomada não... :-)

Mauro, AMEI esse carro, fui la no site e li tudinho sobre ele, fiquei aqui morrendo de vontade de ter um. Meu carro e um Toyota tambem, um lease, se esse carro tivesse sido lancado em 2003, ai ai...vou perguntar se eles nao deixam eu terminar o meu lease e comprar esse ai :) (duvido, mas...vou perguntar anyway). Obrigada por me "apresentar" ao Prius!

Érica said:

Se inveja matasse eu tinha acabado de morrer...

Rique said:

Mauro, quanto morre no Prius?

About this Entry

This page contains a single entry by published on November 8, 2003 8:36 PM.

Matrix Revolutions was the previous entry in this blog.

Exibicionismo is the next entry in this blog.

Find recent content on the main index or look in the archives to find all content.

Powered by Movable Type 4.1